Política na internet

Segundo um relatório da Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento, noticiado pela Agência Brasil, o número de brasileiros conectados à internet chegou a mais de 120 milhões em 2017, sendo que o país ficou na quarta colocação no ranking mundial de usuários da web. O número surpreende também pelo crescimento exponencial. Ou seja, cada vez mais pessoas têm acesso à conexão. Assuntos importantes têm sido discutidos, entre eles a política na internet.

Se você fizer uma rápida pesquisa, verá que a quantidade de pessoas engajadas em pautas políticas subiu nos últimos anos. Isso faz com que a presença dos políticos junto aos seus eleitores nos canais digitais seja determinante no processo eleitoral.

Pensando nisso, no artigo de hoje trazemos algumas das principais ferramentas e estratégias para fazer uma campanha de sucesso na internet. Confira!

Qual a importância da presença digital para o público atual?

Hoje, estamos expostos a milhares de informações que chegam a todo minuto. Logo, se um político não tem uma presença na internet, as chances de que seu público conheça as propostas e possam considerar o voto são bem baixas.

Estar na web virou sinônimo de existir. No entanto, para se destacar entre os milhares de candidatos, é preciso construir uma estratégia forte e de fato ter uma presença marcante nos canais digitais. Como atingem um público bem vasto, é necessário estudar diretamente os eleitores que se pretende alcançar.

A ideia de estar na internet ajuda na construção de um relacionamento mais próximo dos cidadãos, além de ser um canal para uma comunicação mais rápida. Dada essa importância, é fundamental que você conheça algumas das estratégias eficazes para criar uma campanha de sucesso na internet!

O que é preciso para uma boa campanha política na internet?

A presença política na internet precisa ser bem planejada. Se você concorre a cargos municipais e estaduais (deputados e vereadores, especialmente), terá milhares de concorrentes pela frente. Participar dos canais digitais sem estabelecer ações estratégicas para cada um deles não adianta, é preciso mais do que isso. Confira a seguir alguns passos do que fazer para ter sucesso em sua campanha:

Reúna o máximo de informações sobre os públicos de interesse

A primeira característica de uma política na internet de sucesso é que ela não aborda nenhum assunto se antes fazer uma vasta pesquisa. Por esse motivo, uma das premissas básicas para obter sucesso é reunir o máximo de informações sobre os seus públicos de interesse eleitoral.

Pesquise a região, situação econômica, contexto social em que estão inseridos, assuntos que eles mais discutem na web, bem como os seus anseios como cidadãos. Para garantir eficácia nessa pesquisa é necessário contar com um banco de dados e uma equipe capaz de analisá-lo, a fim de transformar os resultados obtidos em insights.

Utilize as conversas com eleitores para obter dados sobre o que eles anseiam da política, atitudes e ações. Munido das informações corretas é possível não só planejar, mas também aproveitar melhor as pautas que surgem no dia a dia para se posicionar e fazer a disseminação da mensagem entre os públicos de seu interesse político.

Produza conteúdo de qualidade

Os eleitores que estão presentes na web têm interesse em saber quais são as propostas do seu candidato à eleição. Logo, se o político não tem uma regularidade nos canais digitais, os usuários acabam procurando opções com voz mais ativa na web.

Para garantir destaque e fortalecer o relacionamento com o eleitor (falaremos melhor sobre esse tópico a seguir), mesmo no começo da campanha, estabeleça alguns esboços que podem ajudar a construir essa conversa com o público. Para potencializar o alcance do conteúdo, otimize-o por meio de palavras-chaves e estratégias de marketing para que os buscadores ajudem as pessoas a “encontrá-lo”, como o SEO.

Estabeleça um relacionamento com o público

A internet será um espelho da sua figura como político. Por isso, busque sempre manter um relacionamento com o público consistente com a ajuda de seus assessores políticos. Os eleitores têm voz mais ativa nas redes sociais e querem que seus questionamentos sejam respondidos.

Por exemplo, se perguntas sobre determinado assunto abordado na campanha forem frequentes, vale a pena criar um post exclusivo esclarecendo os principais tópicos da questão. Além de passar credibilidade, isso mostra a preocupação com o interesse público.

Para garantir a disseminação do conteúdo, utilize estratégias como as transmissões ao vivo no Facebook ou YouTube, lista de transmissão no WhatsApp, entre outros. Não se esqueça de padronizar a linguagem de acordo com o público, aproximando-se da realidade dele. Tudo isso ajuda na construção da sua reputação e fortalecimento da sua imagem.

Escolha os canais certos e defina estratégias para cada um deles

Não adianta criar um único conteúdo e disseminá-lo em todos os canais digitais. As redes sociais, site e blogs têm funções distintas. Dentro das próprias mídias sociais existem divisões. Por exemplo, no Instagram, fotos de participação em eventos políticos e junto à população são interessantes, já no Twitter as mensagens curtas que mostrem a agenda do candidato podem ser uma das alternativas de ações.

Criar o perfil em uma mídia e não o alimentar com conteúdo é um grande erro, sendo assim, escolha alguns canais em que seu público está mais presente. Não se esqueça de que o conteúdo apresentado deve ser pensado cuidadosamente. Qualquer imagem ou mensagem errada pode acabar com a sua reputação como político e comprometer a continuidade da campanha.

Lembre-se também de fazer o acompanhamento e monitoramento para entender o que gera polêmica e entender as falhas dos opositores. Assim, você fica menos propenso a cometer os mesmos erros. Para isso, utilize softwares e programas de monitoramento de palavras-chaves, como o Google Trends.

Conte com a militância e os influenciadores

A militância política tem um peso muito forte na eleição de um candidato. Saber como se relacionar com ela pode lhe popularizar entre os simpatizantes de um determinado partido, ajudando assim na construção da sua imagem na internet.

Não só ela, mas os influenciadores digitais que lidam com o seu público-alvo são muito importantes. Muitas pessoas os seguem e se eles dão o aval sobre a sua confiabilidade, seriedade e dedicação como político, isso é capaz de impulsionar a sua candidatura.

Portanto, a política na internet se faz com bom planejamento. Por isso, antes de aplicar as estratégias aqui apresentadas, é fundamental delimitar quais são os seus objetivos, posicionamento como político e que tipo de eleitor quer conquistar nos canais digitais.

Quer uma boa inspiração para começar esse planejamento? Confira o nosso artigo sobre algumas campanhas políticas internacionais que obtiveram sucesso na internet!


Marketing digital para políticos

Deixe seu comentário
Comentários desabilitados.